mp3 Documentos Curso Video mapa
Volta

58º Congresso Sul Americano de Senhoras Budistas

A Energia transbordante do Congresso
Nos últimos dias 07 e 08 de outubro foi realizado, no novíssimo Templo Honpa Hongwanji de Mogi das Cruzes inaugurado há um ano, o 58º Congresso Sul Americano de Senhoras Budistas sob o Tema: “A Chama da Sabedoria” e Slogan: “De mãos em mãos, para dentro da Luz”, com a participação de 764 adeptos de vários Templos e Associações Budistas da nossa Federação Budista Sul Americana Jodo Shinshu Honpa Hongwanji.
Para este Congresso, depois de muito tempo, recepcionamos um palestrante da Confederação Mundial de Mulheres Budistas, Rev. Seishô Nakagawa, que realizou palestra e prédica com impressões profundas e marcantes!

A Abertura dentro de muita expectativa
Dentre os eventos anuais da nossa Federação Budista, o Congresso Sul Americano de Senhoras Budistas é considerado o maior de todos. Este Congresso que atingiu a sua 58ª edição foi realizado nos dias 07 e 08 de outubro, no salão nobre do Templo Honpa Hongwanji de Mogi das Cruzes que foi inaugurado há apenas um ano.
Infelizmente, no primeiro dia de evento o tempo estava chuvoso, mas, no momento em que começou a Cerimônia de Abertura, o entusiasmo de todo o pessoal local e a expectativa dos participantes sopraram para longe todo o ar úmido e assim, a chuva deu trégua. Talvez, essa situação pode ser descrita através da expressão: “o verdadeiro esforço é reconhecido pelo céu”.
A partir das 8 horas, iniciaram-se as orientações para os dois dias de evento.
Na Cerimônia de Abertura, tendo como destaque o Rev. Seishô Nakagawa, emissário especial do Japão para este Congresso (palestrante da Confederação Mundial de Mulheres Budistas, monge residente do Templo Gannouji, da regional Fukuoka, sessão Mikasa) acompanhado pelos Exmo. Sr. Marcos Melo, Prefeito Municipal de Mogi das Cruzes; Bispo Tetsuei Somayama, Superintendente da Federação Budista Sul Americana Jodo Shinshu Honpa Hongwanji; e demais convidados especiais, adentraram ao recinto e tomaram seus assentos no palco. O grande número de participantes se acomodaram no salão nobre que comporta até 1000 pessoas.
A Sra. Yoko Doi, membro da diretoria permanente da Liga Sul Americana de Senhoras Budistas realizou a declaração de abertura do Congresso que contou com a participação de representantes das longínquas cidades de Buenos Aires, Argentina; do Templo de Tomé-Açu – PA; do Templo de Brasília – DF, e de várias cidades dos Estados de São Paulo e Paraná. As representantes das cidades participantes que adentraram ao recinto carregando imponentes as Bandeiras das suas Associações de Senhoras Budistas elevaram o clima da Cerimônia de Abertura do Congresso.
Depois da leitura do “Raihai no Uta”, a Presidente da Liga Sul Americana de Senhoras Budistas, Sra. Hatsumi Kamishibahara transmitiu a sua mensagem de saudação, seguidas pelas saudações do Bispo Tetsuei Somayama; Prefeito Municipal de Mogi das Cruzes e demais convidados especiais. A mensagem de saudação da Presidente de Honra da Confederação Mundial de Mulheres Budistas, Sra. Ruzumi Ohtani, Esposa do Patriarca, foi lida pela Sra. Tomiko Kubo, em japonês; e, a mensagem traduzida para o português foi lida pela Sra. Junko Murayama.
Além disso, a Sra. Miyoko Neguishi, Vice-Presidente da Associação de Senhoras Budistas do Templo Honpa Hongwanji de Mogi das Cruzes, fez a leitura das mensagens enviadas pela Presidente da Confederação Mundial de Mulheres Budistas, Sra. Midori Katayama; pelo Diretor do Departamento Organizacional do Hongwanji-ha, Rev. Shun-ei Sakae; e pela Diretora do Centro Internacional do Hongwanji, Reva. Tokiko Hikita.
As saudações foram finalizadas com a mensagem de boas-vindas da Presidente da Associação de Senhoras Budista do Templo de Mogi das Cruzes, Sra. Hiroko Fushiki. Foi uma Cerimônia de Abertura repleta de emoções!

Palestra Comemorativa cheia de emoção!
Após a Cerimônia de Abertura, foi realizada a Palestra Comemorativa proferida pelo emissário especial do Japão para este Congresso, Rev. Seishô Nakagawa. Por se tratar de um monge pregador veterano que atua como palestrante da Confederação Mundial de Mulheres Budistas ele conseguiu atrair a atenção do público ouvinte com a energia da sua palestra extraordinária.
O Rev. Nakagawa, na sua palestra, citou trechos do Sermão do 25º Monshu do Hongwanji-ha, Sen-nyo Shonin, na ocasião da celebração para oficialização da sucessão na tradição do Dharma intitulado “A maneira de viver de um seguidor do Nembutsu”, nos instruindo que o Caminho em que podemos viver e morrer com coração pleno é viver o dia-dia junto com o Nembutsu.

Maravilhosas apresentações de opiniões e experiências
Para as apresentações de opiniões e experiências deste Congresso tivemos as participações das senhoras Kumiko Hisatomi, da Associação de Senhoras Budistas do Templo de Mogi das Cruzes, representando a regional São Paulo Capital; Kikue Kusunoki, da Associação de Senhoras Budistas de Guararapes, representando a regional Noroeste; Mitsuko Yokoo, da Associação de Senhoras Budistas do Templo de Maringá, representando a regional Paraná/Sorocabana; e, Masako Ue, da Associação de Senhoras Budistas do Templo de Tupã, representando a regional Paulista. Todas elas apresentaram relatos de experiências no Dharma tornando esta atividade gratificante.

Ofício Memorial realizado solenemente
O número de senhoras budistas que faleceu desde o Congresso passado até o presente Congresso foi de 48 pessoas.
Apesar de ser realizado anualmente, quando se ouve a leitura dos nomes das senhoras budistas falecidas, o sorriso do rosto daquelas pessoas que já nasceram na Terra Pura vem à mente e a saudade bate forte no coração. Assim, torna-se inevitável ficar sem recitar o Namo Amida Butsu, Namo Amida Butsu que surge na nossa boca.
Somente agora pude compreender, verdadeiramente, sobre o meu ser, os Ensinamentos Budistas de que “Inúteis são fama e glória, pois, de acordo com a lei da impermanência, no ápice da prosperidade começa o declínio, o encontro termina na despedida e nada dura muito tempo.” A prédica do Rev. Nakagawa tocou profundamente dentro do meu coração!

Painel de debate
Todos os anos, na programação do Congresso de Senhoras Budistas havia a Assembleia Geral Ordinária da Liga Sul Americana de Senhoras Budistas, mas, desta vez, foi introduzida uma nova atividade na programação que foi um debate no sistema de painel.
Atualmente, os maiores problemas enfrentado pela Liga Sul Americano de Senhoras Budistas são as questões da adesão de novos membros e o desenvolvimento de atividades das Associações de Senhoras Budistas e da sua Liga. Foi debatido sobre a forma como a Liga poderia trabalhar para tentar solucionar essas questões.

O próximo Congresso será em Lins
O Congresso, que foi tão produtivo, chegou à Cerimônia de Encerramento.
A Presidente da Liga, Sra. Kamishibahara, leu a resolução do Congresso e em seguida entregou o Estandarte do Congresso à Sra. Riyoko Yasunaga, Presidente da Associação de Senhoras Budistas do Templo Honpa Hongwanji de Lins, cidade sede do próximo Congresso em 2019.

Resolução do Congresso
( )
Ao final, os participantes se reuniram para dançar o “Oyama ondo” para celebrar o sucesso deste Congresso.

Resolução do Congresso

Por ocasião da realização do 58º Congresso Sul-americano de Senhoras Budistas, na cidade de Mogi das Cruzes, durante esses dois dias, contamos a participação de mais de 700 membros de associações de senhoras budistas de todo o Brasil.
Como foi salientado pelo monge emissário da matriz do Japão, Reverendo Seisho Nakagawa, que citou a mensagem do 25º patriarca do Hongwanji, Sennyo Shonin, cujo título era “A maneira de viver do seguidor do Nembutsu”, que possamos incorporar essa essência e, sob o tema da missão, que é a “Chama da Sabedoria”, reflitamos muito sobre este ensinamento.
Comprometemo-nos, ainda, a colaborar para o desenvolvimento das atividades de senhoras budistas, visando o 4º Congresso Sul-americano de Adeptos, a se realizar no próximo ano, com a visita do ilustre patriarca do Hongwanji à América do Sul.

Mogi das Cruzes, 08 de outubro de 2017.
Yoko Doi
Representante da
Federação Sul-americana das Senhoras Budistas